Cavernas glaciais são cavernas formadas dentro do gelo de uma geleira e são freqüentemente chamadas de cavernas de gelo. As cavernas glaciais são iniciadas pela água que corre através ou sob a geleira.

Essa água se origina na superfície da geleira por meio do derretimento, entrando no gelo em um moulin e saindo pelo focinho da geleira no nível da base.

Algumas cavernas glaciais são formadas por calor geotérmico de aberturas vulcânicas ou fontes quentes sob o gelo. Um exemplo extremo é a caverna da geleira Kverkfjöll na geleira Vatnajökull na Islândia, medida na década de 1980 com 2,8 km de comprimento e um alcance vertical de 525 m.

Essas cavernas glaciais são relativamente instáveis devido ao derretimento e ao movimento glacial, e estão sujeitas a colapso localizado ou completo, bem como eliminação por recuo glacial.